Prefeitura de Santa Isabel

Notícias

 Últimas Notícias
  • SECRETARIA DE EDUCAÇÃO EM AÇÃO PARA O INICIO DAS AULAS Visando melhorar ainda mais o atendimento educacional dos alunos, a Secretaria Municipal de Educação iniciou nesta semana as reformas e adequações das unidades escolares da rede.  Reparos elétricos e hidráulicos...
  • MOSTRA DE QUADRINHOS ISABELENSES Entre os dias 17 de janeiro a 2 de fevereiro, das 9h às 17h, será realizada a Mostra de Quadrinhos Isabelenses, com exposição dos artistas da cidade. As artes estarão...
  • SANTA ISABEL FOI DESTAQUE NO RIO DE JANEIRO A delegação de futebol de Santa Isabel chegou até as semifinais da competição deixando em Miracema, Estado do Rio de Janeiro, uma espécie de saudade do povo paulista. Na hora...
  • PREFEITURA IRÁ AMPLIAR ATENDIMENTO DA MULHER A Prefeitura de Santa Isabel se prepara para revolucionar o atendimento e o acolhimento da Mulher Vítima de Violência. Na manhã de hoje, dia 17/01, a Prefeita, acompanhada pelo secretário...
  • LICENCIAMENTO DE NOVAS EMPRESAS PARA SANTA ISABEL As Secretarias de Meio Ambiente e de Planejamento entregaram a Licença Ambiental e a Certidão de Uso e Ocupação do Solo para a instalação de uma unidade Fibria Papel Celulose...

CAMPANHA DE COMBATE AO AEDES AEGYPTI

janeiro 04
15:30 2018

A Campanha realizada em 2017 contribuiu para a redução de aproximadamente 97% dos casos de Dengue em Santa Isabel

A Prefeitura de Santa Isabel, por meio da Secretaria de Saúde, convida toda a população para participar da “Campanha de Combate ao Mosquito Aedes Aegypti”, inseto transmissor de diversas doenças como Dengue, Chikungunya e Zika.

A reprodução do Aedes Aegypti  acontece em água limpa e parada, onde a fêmea deposita seus ovos. Até mesmo uma tampa de garrafa pode ser um criadouro para o mosquito. Por isso, o combate ocorre durante todo o ano, mas é reforçado no verão quando se inicia o período de fortes chuvas e aumentam os focos do inseto.

Em 2017 as equipes de saúde realizaram cerca de 28.000 visitas em domicílios, exclusivamente para oferecer orientação sobre a prevenção e a eliminação de criadouros do Aedes Aegypti.

O resultado da conscientização da população sobre a importância de evitar água parada e de denunciar possíveis locais com criadouros visíveis foi à redução do número de casos confirmados de Dengue. Em 2016 foram 78 casos, já em 2017 em que a população atuou unida para combater o mosquito foram 02 ocorrências registradas. Uma redução de 97,4% no número de pessoas com Dengue.

A Vigilância em Saúde sugere que as famílias escolham um dia da semana como o “Dia D” de combate aos focos do Aedes Aegypti. Em alguns minutos é possível fazer uma varredura na casa e eliminar  os recipientes com água parada. Acabar com os criadouros é o meio mais eficiente de combater a proliferação das doenças transmitidas pelo mosquito.

 

Compartilhar:
Share

Notícias Relacionadas

Share